Brasileira vence 'Breathless' de Mergulho Livre nas Ilhas Caymans

Tema:Mergulho
Autor: Redação 360 Graus
Data: 3/6/2009

A Atleta paranaense Carolina Schrappe venceu no final de maio a Competição Internacional de Mergulho Livre “Breathless 2009” nas Ilhas Caymans.

Carol ganhou a medalha de ouro e conseguiu atingir excelentes resultados nas provas de profundidade, estabelecendo dois novos Records Sulamericanos para o Brasil, na modalidade de Lastro Constante com Nadadeiras atingiu a profundidade de -68 metros e na de Lastro Constante sem Nadadeiras -44 metros.

Carolina embarcou duas semanas antes da competição para treinar as modalidades de profundidade e acostumar assim seu organismo com a alta pressão próxima dos 70 metros de profundidade.

Esta aventura da atleta, rumo a Cayman, começou já na primeira conexão aérea na cidade do Panamá. Com a possibilidade de uma pandemia da Gripe AH1N1, a atleta desembarcou na cidade do Panamá de máscara, o que foi considerado comum.

Carol seguiu indicações médicas desembarcando em Miami fazendo o uso de máscara protetora, pois nesta mesma competição em 2008, vários atletas ficaram doentes dias antes da competição devido a uma gripe, trazida do Japão por uma das atletas.

Chegando as Ilhas Cayman, começou logo com os treinos de profundidade. Logo no primeiro dia um mergulho de -40 metros com nadadeiras para contar as pernadas. A partir do segundo dia, resolveu mudar a modalidade para Lastro Constante sem Nadadeiras, para testar o ombro recém recuperado de um tratamento de lesão muscular, e realizou com certa facilidade um mergulho de -30 metros.

Sentindo-se bem e sem dores fortes treinou mais quatro dias esta modalidade e já bateu o Record Sulamericano durante os treinamentos, fazendo -43 metros de profundidade.

Com este Record realizado em treinos, resolveu poupar o ombro e voltar para a modalidade com nadadeiras. Realizou um mergulho de -55 metros e começou a evoluir a cada mergulho. “Durantes os mergulhos de profundidade a maior dificuldade é a equalização das orelhas, pois ao contrário do que ocorre em mergulhos SCUBA, o atleta não tem como parar, “negociar” a equalização e continuar, e a velocidade de descida é sempre maior.”

No dia 21 de maio começou a competição e a atleta decidiu logo no primeiro dia bater o Record Sulamericano na modalidade de Lastro Constante sem Nadadeiras realizando uma performance de -44 metros, batendo assim a marca anterior por dois metros.

A partir do segundo dia voltou a poupar o ombro e fez uma prova de Lastro Constante com Nadadeiras de -65 metros e ainda a tarde realizou uma prova de Apnéia Estática com o tempo de 4’ 59“. Evoluindo sempre, ela realizou as provas de piscina e mais um mergulho antes de bater outro Record.

No penúltimo dia de competição realizou um mergulho -68 metros de profundidade e estabeleceu Novo Record Sul Americano na modalidade de Lastro Constante com Nadadeiras. “A sensação de vencer uma barreira é indescritível, ainda mais quando você esta competindo com você mesmo, com seu corpo e seu organismo. O conhecimento do próprio organismo é essencial neste esporte. Ter controle total sobre isso é maravilhoso”!

Depois de terminada as provas, o primeiro lugar ficou com a brasileira, que na somatória geral teve a maior pontuação. Medalha de OURO pra ela!

“O resultado deste Campeonato foi mais do que eu esperava, pois tive muitas dificuldades de conseguir arrecadar fundos para poder viajar, tive pouco tempo para treinar com tranqüilidade e além disso meu ombro não estava 100%. Mas deu tudo certo e consegui com muita paciência e determinação chegar no meu objetivo. Não posso deixar de agradecer a todos que me ajudaram de alguma forma, seja comprando rifa, camiseta, indo ao jantar de arrecadação ou me mandando simples porém valiosos e-mails de força. Meus filhos queridos, Fernanda, Pietro e o pequeno Enzo, mas em especial ao meu marido Reinaldo, pois sem ele nada disso seria possível”.

Carolina já foi convidada a bater novos Records em três outras competições ainda este ano e está ponderando qual a melhor opção e claro sempre correndo atrás de patrocinadores.

Carol rankeou no ano de 2008 como atleta “top ten” nas modalidades que bateu recordes sulamericanos em Cayman, o que a fez ser a única brasileira classificada diretamente para o Campeonato Mundial de Profundidade da AIDA, que será realizado na Bahamas no mês de novembro (o campeonato terá provas apenas nestas duas modalidades, Lastro constante COM e SEM Nadadeiras). Também ganhou no ano passado o 2° lugar no “Oscar” do mergulho livre na categoria melhor mergulhadora do mundo, o Icaré Trophy.

Modalidades e marcas da atleta

APNÉIA ESTÁTICA – marca da atleta 6´10´´ em treinos nas Ilhas Caymans 2008.

Mantendo o seu fôlego, o apneísta fica o maior tempo possível submerso ou flutuando imóvel com as vias respiratórias imersas na água.

APNÉIA DINÂMICA - marca da atleta 101 metros de distância no mundial do Egito 2006 – recorde paranaense.

Com ou sem nadadeiras (dependendo da sub-modalidade), o apneísta deve percorrer a maior distância horizontal possível submerso.

LASTRO CONSTANTE COM NADADEIRAS - marca da atleta -68 metros de profundidade no Campeonato nas Ilhas Caymans 2009 – Recorde Sulamericano.

Praticado no mar e em lagos, o apneísta desce a uma determinada profundidade usando um cinto-lastro e nadadeiras, na descida e subida.

LASTRO CONSTANTE SEM NADADEIRAS - marca da atleta - 44 metros de profundidade no Campeonato nas Ilhas Caymans 2009 – Record Sulamericano

Valem as mesmas regras do lastro constante, porém sem o uso de nadadeiras.

IMERSÃO LIVRE - marca da atleta -70 metro em treinos nas Ilhas Caymans 2008.

É a modalidade de mergulho em apnéia mais natural, pois sem nadadeiras ou lastro, o apneísta se utiliza apenas do cabo-guia para ir o mais fundo possível em lagos ou no mar.





© Copyright 1998 - 2012 - 360 GRAUS MULTIMÍDIA
Proibida a reprodução integral ou parcial, para uso comercial, editorial ou republicação na Internet, sem autorização mesmo que citada a fonte.

Compartilhe:


Livros:

Equipamentos:

  • No Dia do Aviador, veja curiosidades sobre a vida de Santos Dumont
    Aviação
    No Dia do Aviador, veja curiosidades sobre a vida de Santos Dumont
  • Conheça algumas dicas para mergulhar e aproveitar o verão
    Mergulho
    Conheça algumas dicas para mergulhar e aproveitar o verão
  • Conheça a Estrada Parque no Pantanal Sul: uma estrada histórica
    Trilha Off-road
    Conheça a Estrada Parque no Pantanal Sul: uma estrada histórica
  • Parque Nacional da Serra dos Órgãos: paraíso perto do Dedo de Deus
    Ecoturismo
    Parque Nacional da Serra dos Órgãos: paraíso perto do Dedo de Deus
  • A emoção de descer uma cachoeira de 80 metros
    Canyoning
    A emoção de descer uma cachoeira de 80 metros
  • Conheça o Parque Puyehue, o paraíso chileno dos esportes de aventura
    Ecoturismo
    Conheça o Parque Puyehue, o paraíso chileno dos esportes de aventura